17/08/2011

AS CRIATIVAS E SURREAIS ILUSTRAÇÕES DE TANG YAU HOONG


Bem que tentei, mas não consegui visitar a exposição do ilustrador M. C. Escher em São Paulo. Foi impossível, principalmente por conta da fila (ela dobrava o quarteirão). Sempre admirei o trabalho de Escher e, por isso, lamento que não tenha conseguido apreciar a exposição.
M.C. Escher formou uma legião de seguidores. Um deles é, sem dúvida, Tang Yau Hoong. A influência do ilustrador holandês na obra de Hoong é flagrante. Provas não faltam. Observe, por exemplo, o desenho das mãos que apagam uma à outra - isso é puro Escher.
Mas Hoong tem seus méritos. Primeiro: ele é um ótimo ilustrador. Segundo: ele consegue ser original, apesar de se apegar a Escher. Terceiro: ele sabe surpreender. Quatro: ele tem um portfólio digno de nota. Quinto: ele é um artista eclético. Sexto: seu portfólio virtual é, além de tudo, bonito (gostei da "ilustra" acima).
Para conhecer o trabalho de Tang Yau Hoong, entre aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário