31/03/2018

ESCULTURAS E INSTALAÇÕES QUE CONDUZEM À REFLEXÃO, POR STEFANO BOMBARDIERI



Nascido na cidade de Brescia, na Itália, Stefano Bombardieri começou a trabalhar com arte no ateliê de seu pai. Com o tempo, tornou-se um expert em esculturas realistas. Atualmente, trabalha sobretudo com esculturas e instalações. O que mais chama a atenção em seu portfólio são as esculturas de animais, geralmente de grande porte. Bombardieri convida o expectador para um reflexão profunda sobre elas. Podemos encontrar uma “pegada ecológica nelas”, mas, de acordo com o próprio artista, seu trabalho de modo geral pretende levar a uma reflexão sobre a dor na cultura ocidental, o sentido da existência e a percepção de tempo. Esculturas como a da imagem acima são expostas em locais públicos, onde fazem bastante sucesso. Apesar de baseado na Itália, Bombardieri também trabalha na França e Alemanha. Saiba mais sobre a sua arte clicando aqui.

29/03/2018

AS ILUSTRAÇÕES IMAGINATIVAS E COLORIDAS DE STEVEN VAN HASTEN


 
O VEL vem há muito tempo publicando sobre escultura, pintura e fotografia. Sinal de que estamos devendo material sobre instalações, arte urbana e ilustração. Pelo menos no que se refere ao marcador Ilustração, pode ter certeza de que teremos novidades nas próximas semanas. A começar pelo belga Steven Van Hasten. Especialista em ilustração e design gráfico, Van Hasten cria obras para lá de simpáticas. São “ilustras” imaginativas e coloridas. Podemos com toda a certeza afirmar que são verdadeiras obras de arte. Van Hasten produz para capas de livros, cadernos, CDs e outros produtos. Conheça melhor as suas ilustrações assim que entrar aqui.

28/03/2018

BELAS ESCULTURAS EM VIDRO PINTADAS COM JATO DE AREIA DE CZESLAW ZUBER



Temos comentado aqui que, embora sejam famosos no restante do mundo, muitos artistas são totalmente desconhecidos dos brasileiros. Mas o caso do polonês Czeslaw Zuber é um tanto peculiar: ele é mais conhecido na Europa, além de um ou outro país. É uma pena, uma vez que se trata de um artista bastante talentoso. Zuber cria esculturas em vidros, às vezes muito grossas, pintadas com jateamento de areia – uma técnica desenvolvida por ele mesmo. Além de peculiar, o resultado é simpático. Zuber vem sendo há anos elogiado por galeristas e colecionadores. Ele também cria colunas de luz, oferecendo um espelho de um lado e uma decoração pintada de outro. É uma pena que não tenha desenvolvido um site pessoal para apresentar seu portfólio. Mas é possível ter uma ideia de seu belíssimo trabalho clicando aqui.

27/03/2018

MUNDOS SURREAIS NAS BELAS FOTOGRAFIAS EM PRETO E BRANCO DE SOUICHI FURUSHO



René Magritte e Salvador Dali influenciaram uma vasta gama de artistas dos mais variados estilos. Pintores, escultores, fotógrafos e designers bebem ainda hoje da fonte surrealista popularizada por ambos. A influência de Magritte é facilmente percebível, por exemplo, na obra do designer gráfico japonês Souichi Furusho. Com fotos em sua maioria em preto e branco, ele explora quase o tempo todo as formas geométricas. O modo como ele trabalha luz e sombra é magistral. A harmonia e simplicidade das imagens são também seu forte. Mas o que desperta mesmo a atenção são justamente os temas surreais. Furusho cria mundos oníricos interessantes, dando-nos a impressão de que estamos imersos em sonhos. Para conhecer melhor sua obra, clique aqui.

26/03/2018

AS PINTURAS HIPER-REALISTAS COM INFLUÊNCIA DA ARTE CLÁSSICA DE ARANTZAZU MARTINEZ


 
As pinturas hiper-realistas da espanhola Arantzazu Martinez impressionam pela quantidade de detalhes (sem contar que ela nos deixa com a impressão de que estamos diante de fotografias). Mas os especialistas em arte notarão outros pontos interessantes, entre eles a forte influência da pintura clássica, neoclássica e moderna sobre o seu trabalho. Pode-se notar uma pincelada de Rafael aqui, uma temática de Bouguereau alie, e assim por diante. Influências da cultura pop e do movimento surrealista também parecem bastante visíveis. O surreal e o onírico parecem, aliás, presentes o tempo inteiro em sua obra. Formada em Belas Artes, Martinez nos ensina como um bom conhecimento do mundo da arte pode nos ajudar a ser criativo. Ou, como diziam certos modernistas brasileiros, “digerir o antigo para regurgitar o novo”. Confira mais sobre essa magnífica artista ao clicar aqui.

25/03/2018

INCRÍVEIS ENSAIOS E MANIPULAÇÕES FOTOGRÁFICAS DE CHEN MAN


 
A jovem e bela fotografa chinesa Chen Man é conhecida do mercado editorial do seu país pelos ensaios de moda. Mas ela faz muito mais do que isso: produz fotos publicitárias, retratos de celebridades e por aí vai. Uma das coisas que mais chamam a atenção em suas fotos são os efeitos de luz quase perfeitos. Os recursos de tratamento de imagem – usados com frequência em muitas fotos – ajudam a transformar seu trabalho em verdadeiras obras de arte. A maquiagem carregada de algumas modelos é sensacional. Para quem curte fotografia, existem muitas referências sobre seu processo de trabalho no YouTube. Saiba mais sobre Chen Man clicando aqui.

-->

23/03/2018

BONECAS SURREAIS COM OLHARES EXPRESSIVOS DE ERICA BORGHSTIJN


 
Como todos sabem, o VEL foi criado com a intenção de mostrar o melhor da internet. Quis o destino, no entanto, que se tornasse um blog voltado para a arte. Ou melhor, um blog totalmente dedicado à criatividade. Mostre-nos um artista criativo, que nós publicaremos aqui. É o caso da escultora holandesa Erica Borghstijn. Suas esculturas femininas chamam a atenção por causa do olhar. Uma simples mudança nas pálpebras, no fogo e em outros detalhes que envolvem os olhos podem dar a suas personagens uma ar de melancolia, medo ou surpresa. A bem dizer, são bonecas que, com sua sensibilidade, dizem muito à respeito do ser humano. Erica usa argila com esqueleto de folha de alumínio em suas personagens. O cabelo e a pintura também são feitos por ela. O resultado final são essas bonecas surreais e olhares expressivos que você pode apreciar melhor aqui.

22/03/2018

ILUSTRAÇÕES INTERESSANTES FEITAS COM SELOS POSTAIS POR DIANA SUDYKA




Baseada na cidade norte-americana de Chicago, a ilustradora Diana Sudyka produz desenhos para livros infantis. Como grande parte das ilustrações feitas para esse tipo de publicação, elas são delicadas e extremamente singelas. Nada de anormal se não fosse por um detalhe: o uso de selos – sim, aquelas estampas que colocamos em cartas – nas imagens. O resultado não só é original, como é bastante interessante. Os selos combinam muitíssimo bem com os pincéis e tintas de Sudyka. E mesmo que não utilizasse esse recurso, ela não deixa de ser uma grande artista. Suas ilustrações são de modo geral extremamente bonitas, com o detalhe de que estão à venda. Você pode comprar quantas quiser, pois é certo que elas ficarão bem em vários ambientes. Saiba mais sobre a arte de Diana Sudyka clicando aqui.

20/03/2018

FOTOGRAFIAS TRANSFORMADAS EM AUTÊNTICAS OBRAS DE ARTE POR DOUG LANDRETH


 
O designer gráfico Doug Landreth transforma fotografias comuns em verdadeiras obras de arte, algumas próximas do Impressionismo (o próprio Landreth declara-se fã do estilo difundido por Monet, Dega e companhia). É claro que ele utiliza softwares como o Photoshop, além de que usa e abusa das camadas em seu trabalho. Mesmo assim, temos a impressão de que faz mágica. Além de bonitas, suas fotos são absolutamente harmoniosas. Algumas beiram à perfeição. Mesmo os diagramadores e designers mais experientes tirariam o chapéu para ele. Para nossa sorte, Landreth possui um portfólio extenso na internet. Informações sobre o seu trabalho são facilmente acessíveis, e nós achamos que você devia ir atrás delas. Para isso, basta entrar aqui.

19/03/2018

A INTERAÇÃO ENTRE CRIANÇAS E ANIMAIS NA PINTURA HIPER-REALISTA DE KEVIN PETERSON


 
As pinturas do norte-americano Kevin Peterson estão dando muito o que falar, e por uma razão bem simples: elas parecem fotografias. Chegam a ser tão realistas que, por vezes, pensamos se tratar de imagens feitas com câmeras. A riqueza de detalhes é também imensa, deixando a entender que Kevin é um artista super talentoso. Mas elas chamaram a atenção do VEL por um outro motivo: os temas surrealistas. Peterson une crianças em animais em imagens fantásticas, que remetem à solidão e a busca por amigos imaginários. Parece estar querendo dizer algo sobre os traumas e medos na infância (um detalhe: são todas meninas). Os próprios ambientes onde as crianças estão parecem ermos, abandonados, largados à própria sorte. Confira mais sobre essa magnífico artista, basta clicar aqui.

18/03/2018

MAGNÍFICAS ESCULTURAS CRIADAS PELO CONCEITUADO ARTISTA JAUME PLENSA


 
O espanhol Jaume Plensa é bastante conhecida na Europa e Estados Unidos, onde expôs suas obras durante décadas. Além de esculturas, ele produz figurinos e cenários para encenações teatrais. Ao contrário de muitos artistas, é até relativamente fácil encontrar referências sobre ele na internet (às vezes, encontramos sem querer). Pudera, Plensa é um escultor cuja obra vem há muito encantando crítica e público. Chegou a receber inúmeras distinções por isso. Para nossa sorte, mantém um site magnífico, no qual quase todo o seu portfólio pode ser apreciado. Muitas esculturas se destacam por serem formadas por símbolos, diagramas e letras. São formas humanas e abstratas que chamam a atenção quando exibidas sobretudo em espaços públicos. Curioso é que sempre apresentam semblantes meditativos, como se tentassem convidassem o espectador à contemplação. Conheça melhor o trabalho de Jaume Plensa clicando aqui.

17/03/2018

ARTE COLORIDA E APARENTEMENTE INFANTIL DE CHRISTOPHE JEHAN


 
O pintor e escultor francês Christophe Jehan chamou a nossa atenção por uma infinidade de motivos. Em primeiro, pela simplicidade da sua arte e, em segundo, pelo colorido vibrante. Temos que levar em conta também que ele produz desenhos aparentemente infantis, mas com uma originalidade fora de série. Apesar da aparente simplicidade seu trabalho é de uma maestria fora de série. Jehan tem angariado milhares de fãs ao redor do planeta. Sua arte é constantemente citada nas redes sociais. Entre aqui para obter mais informações sobre ele.

16/03/2018

FIGURAS ESGUIAS SAÍDAS DE MUNDOS DE SONHOS NA ARTE DE ANTOINE JOSSÉ


 
Antoine Jossé é um artista de múltiplos talentos, capaz de fazer bonito tanto na pintura quanto na escultura. É também uma unanimidade de público e crítica. Suas pinturas chamam a atenção pela temática onírica e forte apelo surrealista. Podemos dizer o mesmo sobre as esculturas. Jossé retrata seres humanos se equilibrando sobre escadas, desfiladeiros e até sobre uma lua sempre crescente. O satélite natural da Terra é quase onipresente em sua obra. São pessoas com perfis esguios, que nos levam a refletir sobre o estado de suas almas. Pode-se de certa forma dizer que retratam a condição do ser humano, as exigências de nossas vidas. Outra coisa que chama a atenção em seu trabalho é a simplicidade. A obra de Antoine Jossé é muito interessante, e nós não podíamos deixa-la passar de modo algum. Para saber mais sobre esse magnífico artista francês, entre aqui.

13/03/2018

AS ESCULTURAS DE METAL QUE SE TORNAM INVISÍVEIS FEITAS POR JULIAN VOSS-ANDREAE



Nascido na Alemanha, o escultor Julian Voss-Andreae é famoso em seu país pelas esculturas com forte inspiração na ciência (não esquecendo que ele é formado em física quântica). Suas peças são bastante valorizadas no mercado de arte. Mas Voss-Andreae vem despertando a curiosidade no mundo virtual – inclusive em redes sociais como o Facebook – em virtude das esculturas de corpos humanos que, observados de determinados pontos de vista, tornam-se quase invisíveis. O próprio escultor vem afirmando que pretende a partir de agora trabalhar mais o ser humano ao invés de ater-se apenas na ciência. Se continuar assim, irá longe. Feitas de metal, suas esculturas são fantásticas. Mais informações sobre Julian Voss-Andreae e suas esculturas aqui.

12/03/2018

MANIPULAÇÕES FOTOGRÁFICAS QUE LEMBRAM PINTURAS DE BROOKE SHADEN

 
 
As manipulações fotográficas de Brooke Shaden agradam gregos, troianos, persas e companhia. Não sem motivos. Em primeiro lugar, elas parecem pinturas. Possuem a beleza dos neoclássicos somada à suavidade dos impressionistas. Os temas são com frequência surrealistas. Num dos seus ensaios mais interessantes, ela explora a solidão e o vazio existencial de forma incrível. As modelos parecem estar sempre em momento de grande aflição. Noutro, parecem embarcar num mundo de sonhos. Shaden chega a trabalhar cerca de 10 horas numa única imagem. Utiliza todos os recursos disponíveis no Photoshop e seus plug-ins. Para nossa surpresa, ela é bastante conhecida dos brasileiros. Existem inúmeras referências a seu respeito em português. Mergulhe nos mundos surrealistas de Brooke Shaden clicando aqui.

11/03/2018

AS FINAS E DELICADAS ESCULTURAS EM VIDRO DE LIULI GONGFANG

 
 
Se fôssemos citar todos os escultores e designers que trabalham com vidro descobertos por nós, escreveríamos pelos menos 50 novos posts por dia. A quantidade de artistas originais – e cujos trabalhos são belíssimos, queremos frisar – é impressionante. Um desses artistas é Liuli Gongfang, um designer de vidros de Taiwan. Apesar de ser totalmente desconhecido no Brasil, ele é famoso na Ásia e em outros continentes. Gongfang produz peças cuja delicadeza salta aos olhos. São esculturas e vasos multicoloridos, que remetem aos animais do horóscopo chinês e outras tradições orientais. A flor do lótus, a imagem do Buda e a presença do dragão parecem ser constante em suas obras. Além de delicadas, elas são belíssimas. São tratadas como a mais fina arte em vidro. Conheça melhor o portfólio de Gongfang clicando aqui.

09/03/2018

OS INCRÍVEIS TRABALHOS EM CERÂMICA DA ESCULTORA AUSTRALIANA AMANDA SHELSHER



Baseada em Perth, uma das mais importantes cidades de seus país, a australiana Amanda Shelsher divide-se entre os cuidados com o lar/com os filhos e o trabalho como artista. Com uma vida corrida, ela aproveita o horário noturno para produzir suas esculturas. Imagine o que aconteceria se pudesse se dedicar em tempo integral à arte... Amanda é uma escultora talentosa, que produz trabalhos em cerâmicas reconhecidos por algumas das mais conceituadas galerias da Oceania, Ásia e outros continentes. São na maior parte das vezes bustos com cores quase uniformes, mas que chamam a atenção pela simplicidade, originalidade e principalmente por transmitir emoções positivas. Ao contrário de muitos artistas, Shelsher possui um vasto portfólio na internet (curiosamente, não encontramos nada sobre ela em português). É fácil encontrar referências sobre os seus trabalhos no Google Images, Instagram, Pinterest, Facebook e outras plataformas. Ela não faz exatamente o artista original que tanto valorizamos aqui no VEL, mas seu trabalho é muito bacana. A gente tinha que falar dele. Entre aqui e saiba mais.

08/03/2018

OS VASOS DE MADEIRA INSPIRADOS NA VIDA SELVAGEM FEITOS POR GORDON PEMBRIDGE

 

Pode parecer brincadeira, mas, conforme você imaginou, o vaso da imagem acima é realmente “vazado”. Ele foi meticulosamente esculpido pelo artista nascido no Quênia e baseado na Nova Zelândia Gordon Pembridge. O rebuscamento e a quantidade de detalhes encantam à primeira vista. Os temas de Pembridge foram inspirados na natureza dos seus lugares preferidos da África e Oceania. Retratam a vida selvagem de tal  modo que nos levam a crer numa espécie de conexão espiritual entre o artista e a natureza. Para pintá-los, ele utiliza um aerógrafo. Um detalhe interessante: Pembridge adquire a maior parte da sua madeira de árvores derrubadas por tempestades. Clique aqui para conhecer melhor esse belíssimo trabalho.

07/03/2018

RETRATOS DE CELEBRIDADES E PESSOAS COMUNS PINTADOS PELO TALENTOSO CHUCK CLOSE



Temos comentado aqui que artistas consagrados lá fora são praticamente desconhecidos dos brasileiros. Não é o caso do norte-americano Chuck Close. Existem centenas de referências sobre ele no Brasil e Portugal. Fotógrafo e artista plástico, Close é especializado em retratos. Chegou a pintar diversas celebridades da música e do cinema, tornando-se famoso por isso. Um detalhe: são retratos gigantes, que chamam atenção à distância. Sua vida mudou depois que ficou tetraplégico em virtude de um coágulo na coluna vertebral. Com o passar do tempo, recuperou parcialmente o movimento dos braços. A diferença é que Close hoje pinta com a boca, geralmente com a ajuda de um assistente. Sua técnica também mudou radicalmente – ele usa uma técnica que em muitos lembra o pontilhismo –, mas seus trabalhos continuaram chamando a atenção da imprensa e da crítica internacional. Saiba mais sobre esse talentoso artista clicando aqui.

05/03/2018

A BELA FUSÃO ENTRE SERES HUMANOS E PAISAGENS NA ARTE DE MIOKI




Mostramos aqui diversos artistas que, seja pela pintura, fotografia ou escultura, fundem serem humanos e paisagens – ou humanos com outros seres vivos, convém lembrar. Esse é o caso do artista Mioki, que resolvemos mostrar hoje. Sediado em Berlim, na Alemanha, ele se esconde atrás de um nome fictício. É um personagem irreal por trás de um ser humano de carne e osso. Pois na arte de Mioki, seres humanos e paisagens se fundem de maneira mística. É como se ambos estivessem se tornando um só. Ou como fizessem parte de um único elemento primordial. Às vezes, parecem admirar um ao outro. Elementos surrealistas podem ser facilmente notados na arte de Mioki, com o detalhe de que é uma arte cuja beleza salta aos olhos. Temos que lembrar que se trata de um ilustrador de mão cheia. Seu trabalho merece ser conhecido como um todo. Veja mais sobre esse artista clicando aqui.

04/03/2018

SERES HUMANOS TRANSFORMADOS EM CRIATURAS DESINTEGRADAS NAS ESCULTURAS DE CLAUDIA FONTES



Baseada em Londres, a artista argentina Claudia Fontes recebeu uma forte acolhida na capital do Reino Unido. Suas esculturas em porcelana tornaram-se populares não apenas nesse, mas em diversos outros países. São obras pequenas que, vistas apenas por fotos, deixam a forte impressão de serem maiores. É curioso notar como Fontes transformou seres humanos em criaturas desintegradas, ora assemelhadas a esponjas, ora a espaguetes. A riqueza de detalhes em sua obra é muito chamativa. Uma obra original, que achamos por bem descrever aqui. Conheça mais sobre Cláudia Fontes e suas esculturas depois de clicar aqui.

03/03/2018

DESENHOS MINIMALISTAS E COM CORES FORTES DE YLIA SHAPKO

 
 
Se resolvêssemos criar um marcador sobre design gráfico no Virtual é Legal, teríamos assuntos de sobra – ou melhor, teríamos artistas de sobra para apresentar. Alguns são surpreendentemente originais. Por outro lado, não seria uma boa ideia falar muito do assunto, e nós explicamos o porquê: existem centenas de sites, blogs, revistas e livros sobre o assunto por aí. A quantidade de publicações encontradas em livrarias de importados chega a ser impressionante. Mas não resistiremos e vez ou outra apresentaremos um artista que vale a pena conhecer. Artistas como o Ylia Shapko, que nos surpreendeu com suas “ilustras” minimalistas e cheias de cores fortes. Além de serem transparentes, elas deixam a sensação de que brilham. É como se fossem animais, objetos e pessoas que irradiam luz. Shapko mostra também que muitas vezes a beleza está na simplicidade. Saiba mais sobre esse artista incrível aqui.

02/03/2018

MUNDOS SURREAIS E UNIVERSOS PARALELOS NA ARTE DE JAMES McCARTHY

 
 
Inspirado pelo rock progressivo, música da nova era e música psicodélica, o artista norte-americano James McCarthy criou obras de arte que lembram em muito universos paralelos. São pinturas coloridas e rebuscadas com um forte apelo surrealista. A influência de Salvador Dali parece muitas vezes flagrante, mas... todo bom entendedor de arte encontrará também uma não tão sutil influência de outro artista beeeeem maluco: Hieronymus Bosch. Além de remeter ao surrealismo, o que também chama a atenção na obra de McCarthy é a quantidade de detalhes, bem como o uso de cores suaves. Se você gosta desse tipo de trabalho, irá se esbaldar com o portfólio desse artista. Clique aqui e saiba mais.

01/03/2018

FACAS, GARFOS E COLHERES TRANSFORMADOS EM BELÍSSIMAS ESCULTURAS PELAS MÃOS DE MATT WILSON


 
O escultor norte-americano Matt Wilson faz o que poucas pessoas puderam um dia imaginar: entortar talheres. “Mas Uri Geller, o esotérico israelense também fazia isso”, você pode retrucar. Acontecer que Geller era um charlatão de mão cheia. Wilson, por sua vez, transforma talheres em belíssimas esculturas de arte. E sem precisa recorrer a supostos poderes mágicos. Tudo é feita na base da técnica e da paciência. Facas, garfos e colheres transformam-se em animais muito atraentes em sua mãos, em sua maioria pássaros. Confira esse trabalho curioso clicando aqui.